Grupo SEG | Qual a diferença entre portaria presencial, remota (inteligente) e híbrida?

Blog

Qual a diferença entre portaria presencial, remota (inteligente) e híbrida?

    Você síndico, gestor de um condomínio ou empresa, sabe que a portaria tem uma função importantíssima no controle de acesso de quem entra e sai de um condomínio ou empresa. Em meio a tantas transformações tecnológicas essa área não poderia passar despercebida. Diante aos novos comportamentos e necessidades, surgem soluções que vão além do tradicional para esse ambiente, com o objetivo de promover novas soluções aos desafios e anseios do dia a dia.

     Hoje vamos abordar sobre três tipos de modelos de portaria para você, que vai do tradicional ao tecnológico. Para cada perfil de ambiente você tem a possibilidade de escolher a alternativa que mais se adequa as necessidades do seu espaço, seja ele condômino ou empresa.

  1. Portaria Presencial

    Esse modelo de portaria é o mais convencional. O ambiente precisa de um apoio um porteiro físico no local. A sua função é gerenciar as entradas e saídas de pessoas e veículos, atender o interfone, telefone, receber as encomendas, visitantes e prestadores de serviços, registrar as ocorrências e operar o sistema de CFTV (circuito fechado de TV). Esse colaborador acaba prestando também aquela “mãozinha” aos moradores quando precisam de um auxílio. Sendo uma das maiores vantagens da portaria presencial, o relacionamento “face a face”, isso principalmente, para o público da terceira idade. Nesse tipo de serviço o síndico ou administrador precisam contratar mais de um funcionário, por conta da troca de turnos (plantões) que será necessário.

2. Portaria Remota (inteligente)

   Já nesse formato o ambiente conta com a integração da tecnologia, sistema inteligente e automação. Nesse modelo a portaria inteligente é controlada por uma central de monitoramento 24h por dia, 7 dias na semana ininterruptamente. Aqui não é necessário a presença de um porteiro físico, pois o controle de acesso de todas as entradas e saídas de pessoas e veículos é gerenciado por um operador a distância através de câmeras de segurança. Todo esse gerenciamento é centralizado em um único local de acordo com a empresa de segurança eletrônica contratada.

    Cada morador ou colaborador da empresa recebe sua “chave eletrônica” de acesso identificado e intransferível, TAG, convites via QR Code, controle veicular ou identificação através de reconhecimento facial. Os benefícios da portaria vão além do gerenciamento de acesso, proporciona uma maior comodidade, gestão do ambiente, segurança e principalmente 60% na redução de custos. A redução das despesas ocorrerá pelo fato que não haverá necessidade de contração de mão de obra física para operar o ambiente, nem haverá despesas de adicional noturno e nem aquela preocupação sobre o que fazer caso o colaborador venha adoecer ou faltar. Essa reponsabilidade ficará com a empresa segurança eletrônica contratada.

   A central de monitoramento a distância contará uma equipe especializada disponível 24h por dia, 7 dias por semana atentos a qualquer chamado ou eventualidade. Caso algo fuja do padrão, após verificação das câmeras ou alarme acionado, a central segue o protocolo de segurança já pré-estabelecido, se necessário um apoio tático de ronda se desloca até local e aciona o serviço de emergência. Se ocorrer algum tipo de intermitência há empresas de segurança eletrônica que oferecem suporte de uma equipe própria de manutenção, podendo ocorrer o envio de um porteiro físico até que o sistema ou energia seja restabelecido.  Todas as câmeras das áreas comuns de cada ambiente o morador ou gestor da empresa tem a comodidade de acessar em tempo real através do celular. Se precisar receber visita é só enviar um convite via QR Code para a pessoa ou ao chegar acionar o interfone no local, que será atendido pelo operador a distância que realizará o contato com o condômino para liberação ou não.

3. Portaria Híbrida.

   Alguns condomínios ou empresas operam a portaria de forma híbrida, ou seja, nesse formato ocorre uma mescla entre a portaria tradicional (apoio físico no local) e a portaria remota (gerenciamento a distância). Nesse tipo de serviço o ambiente terá um suporte físico de um porteiro no local em determinados horários e ao se ausentar ou encerrar o turno entra em “cena” o operador a distância de uma empresa de segurança eletrônica especializada. Em sua maioria esse tipo de serviço é contratado quando:

  • Os condôminos precisam de uma implantação de forma gradativa para se familiarizar com o sistema diante algumas resistências.
  • Quando uma empresa ou condomínio possuem um fluxo maior de pessoas e carros em horário comercial. Sendo assim, após o horário a responsabilidade da portaria fica com a central de monitoramento 24hs a distância, sem necessidade de troca de turnos ou apoio físico no local.

          Agora que você já sabe a diferença de cada formato de portaria citado acima, ficará mais fácil de observar em seu dia a dia se o modo que você opera atualmente está condizente com a necessidade e ao perfil do seu ambiente. Para que esse olhar possa ser mais assertivo com cada detalhe do seu espaço, você poderá contar com nossa ajuda. Temos um time de especialistas na área que poderá te dar o suporte e realizar um projeto de segurança sob medida para a sua necessidade. Agende agora uma visita sem custo e saiba mais. Aguardamos você!

#PortariaRemota #PortariaHibrida #Portaria #ControledeAcesso #Segurança



Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.